Automobilismo

Ford Mustang é o cupê esportivo mais vendido pelo 4° ano consecutivo

Escrito por CN com Assessoria de Comunicação em 18 de Abril de 2019
[Ford Mustang é o cupê esportivo mais vendido pelo 4° ano consecutivo]

A Ford comemora hoje o 55º aniversário do Mustang e tem um motivo a mais para celebrar junto com os fãs: o “muscle car” foi o cupê esportivo mais vendido do mundo pelo quarto ano consecutivo. Os dados são da consultoria IHS Markit, que apontou a liderança global do Mustang na categoria com 113.066 unidades registradas em 2018.

Veja no vídeo abaixo a evolução do modelo em suas seis gerações. No Brasil, o Mustang foi lançado em 2018 e tornou-se campeão absoluto dos carros esportivos, com perto de 1.000 unidades. Vendido na versão Mustang GT Premium 5.0 V8, foi ainda o modelo do segmento que menos perdeu valor após um ano de uso, segundo um estudo da KBB Brasil. Nos Estados Unidos, o Mustang também garantiu a liderança da categoria em casa, com 75.842 unidades. 

Em 2018 o Mustang foi comercializado em 146 países, segundo os dados globais de vendas da Ford, e conquistou mais 0,5 ponto percentual de participação global, passando a 15,4%. Esse resultado foi impulsionado em parte pela procura do novo Mustang Bullitt, que superou em 25% as previsões globais de vendas. Desde 2015, mais de 500.000 Mustangs de sexta geração foram vendidos em todo o mundo.

Espírito rebelde

No final de 1961 a Ford começou a projetar um veículo para atender as necessidades da nova geração de consumidores jovens. O objetivo era desenvolver um carro menor e mais leve que os tradicionais modelos norte-americanos. Seu emblema seria um “Wild Mustang”, um cavalo selvagem correndo na direção oposta dos que competem nos hipódromos, refletindo o espírito jovem e rebelde da época.

Foi assim que em 17 de abril de 1964, numa década marcada por grande efervescência e rebeldia, nasceu o primeiro Mustang. Sucesso instantâneo desde o lançamento, o “pony car” tornou-se um ícone de liberdade e alegria de dirigir, imortalizado no cinema, na arte e na cultura de todo o mundo.

Compartilhe!