Artigo

Quero namorar, por Cibele Carvalho

Escrito por Cibele Carvalho em 23 de Junho de 2021
[Quero namorar, por Cibele Carvalho]

Quero namorar!

Muitos pacientes me perguntam o motivo de ser tão difícil ter um relacionamento sério nos tempos de hoje. Tomamos como base uma história que vou contar. E... essa história vou contar para que mais perto de uma situação, mesmo hipotética, se tenha ciência de que pontos de vista podem ser vistos de forma muito superficial sem entender de fato a origem do problema.

Uma pessoa que comece a se interessar por outra para um possível envolvimento para além de um encontro. Do ponto de vista físico muito provavelmente em um dado momento esse despertar irá acabar, pois tudo que é muito superficial acaba tendo um fim bem mais rápido pelo simples fato de cair na chamada mesmice. Em se tratando de algo mais intelectualizado pode demandar mais tempo de olhar para o outro e achar que não cabe mais ali uma relação pelo simples fato de entender que ainda há alguma coisa a qual pode ser mudada e, assim, vivenciar.

Fato é: não podemos controlar as pessoas, mas podemos nos conhecer melhor e aí sim aprender como controlar nossos impulsos, nossas emoções, vontades e desejos.

Se conhecer não é nada fácil. Tentar olhar para nosso verdadeiro espelho requer coragem da nossa parte, pois muitas vezes não queremos enxergar aquilo que é necessário para começar a mudar.

Não queira encontrar no outro o seu próprio porto seguro pelo simples fato de ele ou ela não saber nem como construir o seu próprio. É inevitável nessas situações repetir erros um atrás do outro sempre se deparando com os mesmos perfis que quase sempre não agradam nem um pouco ao estilo de condução de uma relação que se projeta.

Passar por frustrações vem de criar expectativas em cima do outro no qual esse mesmo outro muitas vezes nem ideia faz. As expectativas acabam tomando formas cheias de consequências devastadoras e, em sua maioria, cheia de ansiedades e tristezas que podem vir a desencadear transtornos que demandarão um certo tempo para serem solucionados.

Resumo da história: procure se conhecer e construir seu próprio porto, pois dessa forma dificilmente ao passar por uma frustração você irá se levantar com rapidez.

Cibele Carvalho

Psicanalista 
Especialista em Neuropsicanálise 
Mestranda em Psicanálise pela Universidad Kennedy de Buenos Aires, Argentina
Professora da Rede UNIFTC
Auriculoterapeuta 
Hipnóloga Clínica

Compartilhe!